Artesanato – 5 dicas para turbinar o seu trabalho

As atividades de artesanato traduzem a cultura e a identidade de uma país ou de uma região. Além disso, é um setor que emprega muitas pessoas e oferece ao mercado objetos únicos e detalhes customizados a diferentes tipos de indústrias. Assim, cortar com precisão é uma necessidade constante do segmento, tal como buscar soluções que diferencie a sua produção. A seguir, confira 5 dicas para turbinar o fazer artesanal!

1) Planeje o seu projeto de artesanato

O planejamento é o primeiro passo para qualquer tipo de atividade profissional. Planejar as suas peças artesanais proporciona encontrar melhores soluções e ter mais possibilidades de executar com redução de custos e de riscos. A dica é organizar a atividade e colocar no papel a sequência daquilo que será desenvolvido, sem abrir mão da espontaneidade que torna o artesanato único.

2) Tenha um ambiente adequado e as ferramentas certas

É importante para o artesão ter em mãos tudo aquilo que ele precisa para trabalhar, em um espaço de trabalho organizado. Prepare a sua estação de trabalho dispondo os materiais de uso frequente dos menos utilizados, nesta ordem.

Tenha na sua bancada as ferramentas necessárias para cada etapa de trabalho – isso inclui os estiletes e lâminas para o corte de precisão e os acessórios de corte, como base para corte, tubo de descarte, luvas de segurança e outros. Saiba para que serve cada uma destes recursos e organize conforme o uso.

3) Explore novas ferramentas e materiais

Nada melhor para turbinar o trabalho artesanal do que sair da zona de conforto e explorar outros materiais, texturas, ferramentas e recursos que até então não havia considerado em seu trabalho.

Vale lembrar que trabalhar com materiais de alta qualidade garantirá que suas criações se destaquem pela durabilidade e estética. Isso também refletirá na percepção de valor pelos seus clientes. Os estiletes e lâminas adequados a artesanatos, por exemplo, ajudam a tornar as peças mais bem acabadas, o que qualifica a sua obra.

4) Confie no seu processo criativo

Um grande problema de todo artista é conhecer e saber lidar com seu próprio processo criativo. Nem sempre a inspiração vem fácil. Mas ao conhecer melhor como funciona a sua criatividade, conseguirá lidar com os momentos de hiato criativo. Além disso, terá mais condições de renovar o seu trabalho e se reinventar.

5) Busque um estilo único e aperfeiçoe as suas habilidades

Invista tempo em aprender e aprimorar suas técnicas de artesanato. Participar de feiras, cursos, workshops ou assistir a tutoriais online pode ajudar a desenvolver novas habilidades e aprimorar as já existentes.

Aliás, defina um estilo único para o seu trabalho. Encontre a sua identidade no artesanato criando um estilo distintivo. Para isso, desenvolver uma marca pessoal ou uma “persona” ajudará a tornar suas criações reconhecíveis e atrair um público fiel.

Veja também: Luvas de Segurança – Novidade para a sua rotina produtiva

Então, o que achou das dicas sobre artesanato? Inclusive, deixe o seu comentário a seguir e compartilhe estas informações em suas redes sociais. Siga a Norma no Instagram!  Veja os nossos tutoriais no Youtube!

Deixe uma resposta

Fechar Menu